Imobiliária em Joinville SC | Anagê Imóveis | Compra, Venda e Aluguel

Imóveis favoritos Não há favoritos adicionados
Você pode adicionar imóveis aos favoritos
clicando no ícone
Histórico de visualização Nenhum imóvel foi visualizado

Qual a importância do ITBI na compra de um imóvel?

24 de outubro de 2018 por anage-imoveis

ANG_blog_int_01

Toda a satisfação de encontrar um imóvel ideal para morar, encontra no excesso de burocracia um dos pontos de desgaste. Junto às exigências de documentação, para compra e venda, existe o imposto obrigatório, chamado de Imposto de Transmissão de bens Imóveis (ITBI). O pagamento dele é determinante regularização da compra de um imóvel novo, afinal, é o ITBI que garante todos os registros do imóvel junto às autoridades competentes e também as transferências estejam nos conformes.

Quer saber mais sobre esse assunto? Continue lendo e confira por que o ITBI é tão importante na compra e venda de um imóvel.

O que é ITBI?

O ITBI está previsto na Constituição Federal e é tão importante quanto as demais documentações exigidas na compra ou venda de um imóvel. “É o valor pelo qual o bem ou direito seria negociado em condições normais de mercado para compra e venda à vista”, explica o advogado, especialista em direito imobiliário e diretor da CreditCon, Dr. Hadan Palasthy. Segundo ele, a base de cálculo  é o valor venal dos bens ou direitos transmitidos. Sem o pagamento do ITBI, a documentação não é liberada e, consequentemente, o imóvel não pode ser transferido.

A partir da apresentação da quitação do ITBI, o cartório faz a transferência da propriedade e ela é legalmente sua. Caso contrário o imóvel continua no nome do vendedor, que pode vendê-lo a outra pessoa.

Como saber o valor de ITBI de um imóvel?

Como a taxa de ITBI é regulada pelo município, o valor de ITBI sobre o seu imóvel, vai depender do município em que empreendimento está localizado. “Cada Município possui regra própria, logo, é necessário verificar na Prefeitura competente qual a alíquota que cabe para cada transação imobiliária”, conta Palasthy.

Quando estabelecido o município, o cálculo é bem fácil de fazer, pegue uma calculadora e vamos lá!

Se o seu imóvel for no valor de R$ 200.000,00 e estiver localizado em Santa Catarina, por exemplo, onde a alíquota é de 2%. Basta multiplicar o preço pela taxa = R$ 200.000,00 x 2% = R$ 4.000,00

O valor a ser pago de ITBI seria de R$ 4.000,00. Viu como o cálculo é simples?

Vai comprar um imóvel em Joinville e quer saber mais sobre ITBI? Entre com contato com a Anagê Imóveis e saiba mais.

 

Categorias: Comprar Imóvel, Mercado e economia, Mercado imobiliário, Primeiro imóvel

Deixe um comentário

*

Pensando em comprar ou alugar um imóvel?
Deixe seu e-mail e receba nossas dicas e novidades!